Última negociação garante Plano CV e outros benefícios

48

A última reunião entre a Comissão Nacional dos Funcionários do BNB (CNFBNB/Contraf-CUT) e a Superintendência de Desenvolvimento Humano do banco (SDH) resultou em avanços em vários pontos, tais como: Plano CV da Capef, discussão sobre valores de diárias e Camed. O encontro aconteceu na quinta-feira, 18/12, no Centro Administrativo do Passaré.


Um dos avanços significativos do encontro foi a informação do banco sobre o andamento do Plano CV da Capef, reivindicação antiga dos trabalhadores. Segundo a superintendente de DH, Eliane Brasil, o projeto encontra-se na Secretaria de Previdência Complementar (SPC), do Ministério da Previdência Social, protocolado sob o número 332901962, em 5/12/2008. “A conquista coroa meses de negociação entre o BNB, a CAPEF e a CNFBNB”, declarou o coordenador da CNFBNB/Contraf-CUT, Tomaz de Aquino.


Em relação à Camed, a Comissão Nacional conseguiu suspender, provisoriamente, o reajuste de 27% no Plano Família, que aconteceria em janeiro de 2009. “Há dois anos, não há reajuste na Camed. Isso não pode ser feito da noite para o dia. Esse reajuste deve ser estudado”, afirmou Tomaz de Aquino.


Durante a reunião, representantes da área de desenvolvimento humano do banco apresentaram a forma usada para calcular os valores das diárias. No entanto, a Comissão Nacional exigiu uma apresentação mais específica sobre esses cálculos. Outro ponto questionado pela CNFBNB foi a implementação das centrais de retaguarda e o processo de concorrência. O banco ficou de apresentar, na próxima reunião, que deve acontecer no final de janeiro, o mapa atual das agências do BNB.

PONTO ELETRÔNICO – A Comissão Nacional agendou uma reunião específica sobre ponto eletrônico a acontecer na manhã do dia da próxima negociação, que deverá ocorrer na semana de 19 a 23/01/2009.

PLANO DE FUNÇÕES – Será apresentado até o final de janeiro junto com a proposta de revisão do PCR.

PLR – A discussão do acordo específico de PLR ficou agendada para a segunda quinzena de janeiro, junto com a proposta de PLR adicional.

ACORDO 2009 – O acordo foi encaminhado no final de dezembro ao Dest e, segundo o banco, na próxima negociação, o órgão federal já deve ter autorizado formalmente a assinatura do documento.

CURSO DE FORMAÇÃO BANCÁRIA – A Comissão exigiu que o banco priorize os bancários que já estão há mais de um ano na instituição e ainda não fizeram o curso. Segundo a SDH, está previsto, para 2009, o treinamento de 20 turmas de 40 pessoas.