Unibanco apresenta programas de remuneração e bancários do Bradesco realizam Dia Nacional de Luta

12

A Contraf-CUT e o Unibanco reúnem-se no próximo dia 30/5, às 10h, quando a direção da empresa apresentará aos representantes dos bancários os programas de remuneração variável existentes no banco.


“Nós vamos nos pautar pelas dúvidas que os bancários têm sobre o tema. Vamos questionar o formato e ponderar sobre as principais reclamações”, afirmou Jair Alves, coordenador da Comissão de Organização dos Empregados (COE) do Unibanco.


Um dia depois da reunião com o banco, o Grupo de Remuneração tem encontro marcado, no dia 31/5, às 10h, na sede da Contraf-CUT. “Solicitamos um representante por Federação para as duas reuniões”, concluiu Jair.


Já os bancários do Bradesco realizam no próximo dia 30/5 uma série de protestos e paralisações em todo País em mais um Dia Nacional de Lutas. O objetivo das manifestações é pressionar o banco a retomar o processo de negociação permanente e atender as reivindicações dos bancários.


“Queremos uma mudança na postura do Bradesco em relação às reivindicações dos seus funcionários. Alguns pontos já constam em pauta há muito tempo e o banco não atende por pura mesquinhez”, disse Neiva Maria, coordenadora da Comissão de Organização dos Empregados (COE) do Bradesco.


Após as atividades do dia 30/5, a Contraf-CUT vai lançar uma campanha de mídia, que está em fase de produção que será um contraponto à campanha “120 razões” do banco.