Violência contra a mulher aumenta 128% em 2010

25

O Ligue 180, serviço da Secretaria Nacional de Política para as Mulheres, contabilizou em 2010 um aumento de 128% no total de denúncias de violência contra a mulher em relação ao registrado no ano anterior. De acordo com os dados da Central de Atendimento à Mulher, foram 615.791 registros entre janeiro e outubro do ano passado contra 269.258 casos no mesmo período de 2009.


O balanço do governo federal aponta que as denúncias foram feitas, em sua maioria, por mulheres com idades entre 20 e 49 anos, casadas e com ensino médio completo. Desse grupo, 84,7% têm filhos, sendo que 17% deles foram agredidos junto com a mãe e 67% estavam presentes quando a mãe foi violentada.


Segundo a coordenadora da Central de Atendimento à Mulher, Ana Paula Gonçalves, a divulgação do serviço faz com que as mulheres passem a procurar mais a central. O atendimento, feito por 160 atendentes – todas mulheres – é concentrado em Brasília (DF). A coordenadora conta ainda que, paralelamente, aos atendimentos, é feito um levantamento dos serviços que as mulheres mais precisam. Em todo o País há 388 delegacias especializadas em violência contra a mulher.