Vitória da mobilização: Caixa continua 100% pública

20


Graças à luta dos empregados e de suas entidades representativas, a Caixa se mantém pública. Pela segunda vez, em pouco mais de um ano, a mobilização conseguiu afastar o perigo de que o banco se transformasse em uma sociedade anônima. Na reunião do Conselho de Administração, realizada no dia 7/12, o item que propunha a transformação do banco em S/A foi excluído do texto a ser votado.


Nesse mesmo dia, em Fortaleza, os empregados e o Sindicato dos Bancários do Ceará fizeram uma manifestação na frente do Edifício Sede para protestar contra a intenção do governo ilegítimo e golpista Temer de entregar a Caixa ao capital privado.  Transformar a Caixa em uma sociedade anônima seria mais um grande ataque de Temer contra a Caixa 100% Pública e sua função social, contra os empregados, empregos e direitos.  Encerrando o ato, o Coral do Sindicato fez uma apresentação com músicas de protesto e apoio à luta dos trabalhadores.


A mobilização dos empregados da Caixa começou cedo com conversas e debates pelas unidades, convocando-os ao ato. “Precisamos estar mobilizados e participar das atividades organizadas pelo Sindicato, porque a direção da Caixa já tentou mudar o estatuto por duas vezes, mas não conseguiu graças à mobilização dos empregados no País inteiro. Juntem-se ao Sindicato porque essa  luta é de todos nós”, ressaltou Túlio Menezes, secretário geral do SEEB/CE.