Ataques a Bancos em 2019

37

17 DE DEZEMBRO

Uma agência do Bradesco foi atacada por criminosos no Centro de Morrinhos, durante a madrugada. Segundo um morador, durante o ataque foram ouvidos tiros e explosões. Os suspeitos fugiram. Não há informações se foi levada alguma quantia. As portas de vidro do banco e parte do teto foram destruídos pelo artefato usado pelos criminosos. Um princípio de incêndio foi registrado no local, mas o fogo foi combatido por uma guarnição do Corpo de Bombeiros.

04 DE NOVEMBRO

Um homem, vítima de assalto, perseguiu e atropelou dois suspeitos de levar um malote contendo R$ 42 mil, em Iguatu. Um dos assaltantes morreu. O outro ficou ferido e acabou preso. Segundo a polícia, a vítima estava chegando em uma agência bancária para depositar o dinheiro, quando foi surpreendida pela dupla, que estava em uma motocicleta e anunciou o assalto. Após entregar o malote, o homem decidiu perseguir os suspeitos. Ele afirmou que os assaltantes passaram a atirar contra o carro dele. A vítima disse que acelerou e atropelou os dois. Talisson Crispim de Souza, de 22 anos, morreu no local. Já o comparsa, de 40 anos, sofreu escoriações leves e foi detido pela polícia. A arma do crime foi apreendida e o malote com o dinheiro foi recuperado e devolvido ao dono.
17 DE OUTUBRO

Um grupo de assaltantes invadiu a agência do Santander Ceasa, em Maracanaú, região metropolitana de Fortaleza. Eles chegaram ao local bem cedo e, conforme os funcionários da unidade iam chegando para trabalhar eram rendidos pelos assaltantes, que conseguiram levar quantia não revelada do banco e fugiram em seguida. O Sindicato foi ao local prestar solidariedade e dar as orientações necessárias aos bancários vítimas do assalto. A unidade permaneceu fechada durante todo o dia.

09 DE OUTUBRO

Dois homens armados perseguiram, derrubaram um motociclista e roubaram uma mochila com R$ 30 mil no Bairro Aldeota, em Fortaleza. A vítima havia sacado o dinheiro em uma agência bancária momentos antes para fazer o pagamento dos funcionários de um salão de beleza na região. Imagens de câmeras de segurança de um prédio flagraram a ação dos suspeitos. O vídeo mostra os assaltantes derrubando a vítima da moto e tomando, em seguida, a mochila com o dinheiro. Os criminosos ameaçaram o motociclista com armas de fogo. De acordo com a polícia, a vítima ficou com ferimentos leves por conta da queda da moto.
29 DE JULHO

Suspeitos explodiram uma agência bancária do Bradesco, durante a madrugada, em Salitre, na Região do Cariri. Segundo informações da Polícia Militar, por volta das 2h, os assaltantes atacaram o destacamento para evitar a ação da polícia. Em seguida, invadiram a agência. Com o uso de explosivos, três caixas eletrônicos foram violados.
04 DE JULHO

Um grupo armado explodiu, durante a madrugada, uma agência bancária do município de Quiterianópolis (região do Inhamuns), a 410 Km de Fortaleza. Por volta das 3h30, oito homens chegaram à cidade e se dividiram. Quatro foram para a agência bancária e outros quatro foram para o destacamento policial. O prédio teve as vidraças quebradas, caixas eletrônicos violados e parte da estrutura destruída. O grupo estava armado com fuzis e escopetas, mas o quarteto que ficou no destacamento policial não chegou a atirar contra o prédio e em nenhum carro da Polícia Militar.

30 DE JUNHO

Um grupo de criminosos tentou furtar uma agência bancária do  Bradesco, em Ibiapina, na Serra da Ibiapaba, no Ceará, durante a madrugada. Os assaltantes fizeram um buraco na parede que dá acesso à sala do cofre, mas não conseguiram levar nada. Segundo a Polícia, os suspeitos aproveitaram que a população e o policiamento estavam concentrados na festa de São João da cidade para realizar o assalto. Contudo, na hora em que conseguiram entrar na agência, o alarme soou, e eles abandonaram o local.
08 DE MAIO

A zona norte do Ceará registrou durante a madrugada o segundo ataque a uma instituição bancária em 24 horas. Desta vez, a cidade invadida foi Graça, onde criminosos explodiram uma agência do Bradesco e atiraram contra o destacamento policial do município. No dia anterior, uma unidade do Banco do Brasil e outro posto da Polícia Militar foram alvo de atentados na cidade de Irauçuba. De acordo com a Polícia, o ataque em Graça ocorreu por volta de 2h. Moradores relataram que a ação durou cerca de meia hora, com tiros e explosões. Enquanto parte do grupo explodia os caixas, outra parte atacava com tiros o destacamento da Polícia Militar. Com a explosão, o interior da agência ficou destruída e a porta de vidro, estilhaçada.
07 DE MAIO

Criminosos armados invadiram a cidade de Irauçuba, na região norte do Ceará, e atacaram uma agência do Banco do Brasil durante a madrugada. De acordo com a polícia, o ataque aconteceu por volta das 3h30. Por conta da explosão, o interior da agência ficou destruído e a porta de vidro da agência, estilhaçada. Além da explosão, os criminosos ainda efetuaram diversos tiros contra o prédio da polícia. Algumas casas próximas ao banco chegaram a ser atingida pelos disparos. A polícia não divulgou se os assaltantes tiveram acesso ao dinheiro da agência. A agência, segundo os moradores, foi inaugurada há cerca de seis meses.

06 DE MAIO

Uma tentativa de roubo a banco no estilo “sapatinho”, com o sequestro do gerente da agência e de seus familiares, foi frustrada na cidade de Beberibe, no litoral Leste do estado (a 74Km de Fortaleza). A Polícia Militar acabou sendo avisada do crime e ocupou a agência antes que os bandidos chegassem ao local com o refém.
02 DE ABRIL

Uma agência do Banco do Brasil no município de Graça (316 km de Fortaleza) foi atacada durante a madrugada. De acordo com a Polícia Militar, a ação criminosa aconteceu por volta das 3h. Os suspeitos usaram artefatos explosivos na agência, que ficou destruída, e metralharam a viatura e o prédio da polícia da cidade. A polícia local solicitou reforço, mas as viaturas foram impedidas de chegar à cidade após terem os pneus furados por grampos jogados pelos criminosos na entrada da cidade. Moradores informaram que a ação durou cerca de 40 minutos, com muitos tiros e explosões.
28 DE MARÇO

Um grupo explodiu durante a madrugada uma agência bancária do Bradesco no município de Tejuçuoca, na Região Norte do Estado. O ataque foi registrado por volta das 01h30. O grupo primeiro quebrou as vidraças da agência e em seguida parte da quadrilha colocou os explosivos que destruíram o estabelecimento parcialmente.  O grupo se dividiu. Uma parte ficou próximo ao banco e outra ficou em frente ao destacamento policial da cidade. O grupo atirou contra o destacamento e para cima para intimidar os agentes de segurança e a população. O tiroteio durou cerca de 15 minutos e os criminosos usaram três reféns. Apesar da troca de tiros, não houve registro de feridos.
06 DE MARÇO

A agência do Banco do Brasil no município de Tianguá, na Região da Ibiapaba, foi alvo de uma tentativa de roubo por volta das 2h da madrugada. Os criminosos não conseguiram efetuar o arrombamento do caixa eletrônico. As janelas da agência da parte lateral foram danificadas. Os agentes realizaram uma inspeção dentro do banco e foi observado que nada foi levado.

02 DE MARÇO

Uma agência da Caixa Econômica Federal foi explodida por criminosos no município de Tamboril (289 quilômetros de Fortaleza) durante a madrugada. Conforme a Polícia Militar, durante a ação, os suspeitos utilizaram caminhões para bloquear as ruas e impedir o acesso da polícia. Os veículos pertenciam a uma empresa que estava montando um palco para as festas de carnaval da cidade. Devido ao impacto do artefato explosivo, a agência ficou totalmente destruída. Houve um princípio de incêndio no local. Os criminosos também realizaram diversos disparos de arma de fogo nas ruas do Centro da cidade e pelo menos duas explosões foram ouvidas pelos moradores. Durante a fuga, os suspeitos jogaram grampos na pista para furar os pneus das viaturas e evitar a perseguição.
26 DE FEVEREIRO

Uma agência bancária do Bradesco foi explodida por criminosos durante a madrugada, no município de Tururu, Região Norte do Ceará. De acordo com a Polícia Militar, os suspeitos atiraram contra uma Casa Lotérica, uma funerária e um veículo. Durante a fuga o grupo também incendiou um carro. Esta foi a segunda vez que a agência foi alvo de criminosos. Durante a ação, os suspeitos se dividiram por vários pontos da cidade e efetuaram disparos, inclusive, contra o destacamento da Polícia Militar. Quatro policiais estavam dentro da unidade. Nenhum ficou ferido. O interior da agência bancária ficou destruída. Com o impacto da explosão, a porta de entrada do local foi arremessada.
13 DE FEVEREIRO

Criminosos explodiram uma agência bancária do Banco do Brasil e atacaram uma lotérica no município de Croatá, durante a madrugada. Segundo relatos de moradores, o grupo cercou a cidade e provocou medo à população. O destacamento policial municipal também foi atacado e a fachada do prédio foi atingida por tiros. Por conta do ataque, a agência bancária teve o interior destruído. Já a lotérica teve as portas de vidro quebradas com a ajuda de uma marreta, que foi encontrada no local do crime.
05 DE FEVEREIRO

Um grupo de cerca de 10 homens explodiu uma agência do Bradesco no município de Cariré, região norte do Estado, durante a madrugada. A explosão deixou a parte interna da agência totalmente destruída. A estrutura do prédio também foi atingida pelo impacto do material utilizado pelos suspeitos, que fizeram um “cordão humano” para explodir os caixas eletrônicos do local.

DEIXE UMA RESPOSTA

Please enter your comment!
Please enter your name here