Eleições da Funcef: se liga nas propostas dos nossos candidatos

37

A votação para a escolha de quem vai ocupar a diretoria de Administração e Controladoria, o Conselho Deliberativo e o Conselho Fiscal da Funcef está em andamento e segue até sexta-feira (19). Todos os participantes dos planos de previdência da entidade, tanto os ativos quanto os assistidos maiores de 18 anos, podem e devem votar. É bom votar o quanto antes para não correr risco de ficar sem votar devido a algum problema de sistema.

Para votar, basta acessar o site (https://www.funcef.com.br/) e, no canto direito superior da tela, clicar em “Autoatendimento”. Aí é só digitar seu CPF e senha. No menu, encontre e clique na opção “Eleições”. Aí é só votar para:

  • Diretor de Administração e Controladoria, no número 12 – Leonardo Quadros;
  • Conselho Fiscal, no número 21 – Wagner Ferreira (titular) e Mizaki Mitiue (suplente); e
  • Conselho Deliberativo, no número 31 – Maria Gaia (titular) e Amanda Leite (suplente)

Também é possível votar pelo aplicativo da Funcef em seu celular.

“Eu apoio e recomendo o voto nos candidatos apoiados pela Contraf-CUT, Fenae e pela maioria das entidades de representação e associativas das empregadas e empregados da Caixa, porque são pessoas íntegras, capacitadas para os cargos que disputam e compromissadas na defesa dos participantes e da própria Funcef”, disse a coordenadora da Comissão Executiva dos Empregados (CEE) da Caixa Econômica Federal, Fabiana Uehara Proscholdt. “E eles têm propostas condizentes com as necessidades dos participantes”, completou.

Veja abaixo as propostas

  1. Construir uma solução para enfrentar aumentos excessivos nos valores das parcelas dos participantes;
  2. Defender a revisão do regulamento do REG/Replan Não Saldado, alterado de forma irregular entre 2020 e 2022, com reflexos extremamente prejudiciais a seus participantes;
  3. Defender a inclusão dos participantes nas discussões do GT do equacionamento em andamento;
  4. Defender uma proposta de incorporação do REB pelo Novo Plano que preserve direitos;
  5. Defender revisão estatutária, buscando o restabelecimento de garantias retiradas na alteração irregular iniciada em 2018 e finalizada em 2022;
  6. Atuar na defesa dos direitos e interesses dos participantes, em conjunto com entidades representativas;
  7. Avaliar os atuais programas, critérios e normas gerais de administração da Funcef adequando-os as melhores práticas de gestão;
  8. Atuar no aprimoramento da Tecnologia de Informação da Fundação, acelerando as mudanças necessárias para o atendimento das demandas da Funcef;
  9. Buscar o aprimoramento contínuo da gestão de riscos, acompanhando os trabalhos do Comitê de Riscos e do Comité de Auditoria;
  10. Defender mecanismos de recomposição do poder de compra e direitos como o Fundo de Acumulação de Benefícios (FAB) e o Fundo para Revisão de Benefício Saldado (FRB) e a manutenção das atuais regras de pensão e benefícios de risco;
  11. Atuar para a implementação de Perfil de Apetite a Risco para o REB/Novo Plano durante a fase de contribuição, possibilitando a seus participantes a decisão de alocar seus recursos conforme os parâmetros definidos;
  12. Avaliar as políticas de gestão de pessoas priorizando a revisão de processos, treinamento e capacitação e revisitando o plano de cargos e salários da Funcef, buscando propiciar o aumento da eficiência, o desenvolvimento e a retenção de profissionais;
  13. Contínua prestação de contas aos participantes, por divulgação direta e por meio de ações realizadas em conjunto com as entidades representativas;
  14. Realizar o levantamento dos valores desembolsados pela Funcef em cumprimento de ações judiciais originadas pela relação de trabalho entre o participante e a Caixa, viabilizando que a Patrocinadora seja responsabilizada;
  15. Garantir o fiel cumprimento da legislação em vigor, normas da Superintendência Nacional de Previdência Complementar (Previc) e resoluções do Conselho Nacional de Previdência Complementar (CNPC), de forma a assegurar a integridade operacional da Funcef;
  16. Realizar análise estratégica contínua das práticas (benchmarking) utilizadas pelas demais entidades fechadas de previdência complementar comparáveis à Funcef, buscando o aprimoramento da Fundação;
  17. Buscar proposta para solução das ações de recomposição dos benefícios das mulheres pré-78.>>>> Leia o boletim com mais informações sobre os candidatos e suas propostas

Fonte: Contraf-CUT

DEIXE UMA RESPOSTA

Please enter your comment!
Please enter your name here