Dia do Bancário: Posse da Diretoria do Sindicato acontece em data que homenageia a categoria

69

Na próxima quarta-feira, dia 28 de agosto, comemora-se o Dia do Bancário. No dia 28 de agosto de 1951, o Sindicato de Bancários de São Paulo entrou em greve após receber uma proposta de reajuste salarial insignificante do governo. Os profissionais pediam, na época, 40% de melhoria salarial e melhores condições de trabalho. Vários outros sindicatos por todo o território nacional aderiram à greve, no entanto, não aguentaram a pressão e acabaram por aceitar as propostas do governo, que estavam bem abaixo da média solicitada pela categoria. Apenas em São Paulo os trabalhadores continuavam resistindo às pressões.

Em 5 de novembro, após 69 dias em greve, os trabalhadores conseguiram um reajuste de 31% no salário. Após a greve, centenas de bancários foram demitidos e as comissões por banco foram desmanteladas, mas a resistência e força dos bancários se tornou um exemplo para toda a categoria. Por isso, o dia 28 de agosto é lembrado como o Dia do Bancário em todo o Brasil.

Hoje, os bancários precisam mais uma vez inovar nas respostas aos constantes ataques de que são alvo. Assédio moral, pressão por metas, redução dos postos de trabalho, fechamento de agências e abertura de novos pontos de atendimento digitais, doenças ocupacionais/psicológicas, e mais recentemente, a volta da ameaça das privatizações nos bancos públicos. Esses são só alguns dos desafios que a categoria é obrigada a enfrentar diariamente. Por isso é tão importante seguirmos mobilizados e fortalecendo a unidade para defendermos nossos direitos historicamente conquistados diante dos desmandos do atual governo federal.

UNIDADE PRÁ LUTAR – Também na próxima quarta-feira, 28/8, acontece a Solenidade de Posse do Sistema Diretivo do Sindicato dos Bancários do Ceará – quadriênio 2019/2023. O evento acontece a partir das 9h, na sede da entidade (Rua 24 de Maio, 1289 – Centro), com um coffee break.

A eleição para o sistema diretivo da entidade foi disputada por uma única chapa que teve a aceitação de 95,06% dos votantes. A Chapa 1 – Unidade pra Lutar destacou-se por sua composição de pensamentos de várias vertentes do movimento sindical bancário no Ceará, cujo objetivo é unir todas as forças possíveis para fortalecer a luta em defesa dos direitos da categoria bancária e da classe trabalhadora nesse cenário político atual de ataques ao povo brasileiro.

Nas nossas próximas edições informaremos os detalhes da posse festiva.

DEIXE UMA RESPOSTA

Please enter your comment!
Please enter your name here