Financiários definem prioridades para Campanha Nacional 2024

32

A minuta de reivindicações das financiárias e dos financiários para a Campanha Nacional 2024 foi definida na 7ª Conferência Nacional dos Financiários, realizada nesta terça-feira (26/3), na sede da Confederação Nacional dos Trabalhadores do Ramo Financeiro (Contraf-CUT), em São Paulo. O documento será submetido à aprovação em assembleias realizadas em todo o Brasil entre os dias 8 e 9 de abril.

As prioridades dos trabalhadores foram levantadas pela Consulta Nacional, realizada entre 11 e 23 de março. As respostas da consulta foram compiladas e somadas às contribuições dos representantes das federações e sindicatos que compõem o Comando Nacional dos Bancários.

Para o coordenador do Coletivo dos Financiários da Contraf-CUT, Jair Alves, é fundamental que “a categoria esteja unida para que a gente consiga manter os direitos já estabelecidos na CCT e mostrar força para buscarmos novas conquistas.”

Os destaques da pauta de reivindicações são propostas de reajuste dos salários com o INPC + 5% de aumento real, reajuste diferenciado no vale-alimentação (VA) e no vale-refeição (VR) e aumento na Participação nos Lucros e Resultados (PLR), além da manutenção das cláusulas da atual Convenção Coletiva de Trabalho (CCT) por dois anos.

Com a aprovação, a minuta será entregue à Federação Interestadual das Instituições de Crédito, Financiamento e Investimento (Fenacrefi), a partir do dia 15 de abril, para posterior definição do calendário das reuniões de negociações para a renovação da CCT.

“Estamos unidos e determinados em defender nossos direitos conquistados e buscar avanços para toda a categoria. A participação ativa dos financiários é essencial para garantir melhores condições de trabalho e valorização profissional. Vamos mostrar nossa força e perseverança durante as negociações para alcançarmos resultados justos e satisfatórios para todos”, completou Jair.

A 7ª Conferência Nacional dos Financiários terminou com a mesa de organização da campanha, que aprovou a arte e o slogan da Campanha Nacional 2024 “Representatividade gera conquista – Aumentar a representatividade para garantir direitos, ampliar conquistas e construir vitórias”.

“Acreditamos firmemente que a representatividade é a chave para alcançar nossos objetivos. Assim fortalecemos nossa voz coletiva, ampliamos nossas conquistas e construímos um futuro mais justo e próspero para todos os financiários. Juntos, vamos transformar essa visão em realidade e conquistar os direitos que merecemos”, afirmou a secretária de Organização do Ramo Financeiro e Política Sindical da Contraf-CUT, Magaly Fagundes.

Fonte: Contraf-CUT

DEIXE UMA RESPOSTA

Please enter your comment!
Please enter your name here