Sindicato protesta contra o fechamento de mais uma agência Itaú em Fortaleza

187


O Itaú está fechando mais uma agência em Fortaleza. Trata-se da agência da Av. Barão do Rio Branco, no Centro da cidade, que já foi, um dia, Unibanco. Nesta quarta-feira, dia 22/12, o Sindicato dos Bancários do Ceará realizou uma manifestação para demonstrar a indignação contra a postura do banco, que mesmo lucrando quase R$ 20 bi em apenas 9 meses de 2021, segue fechando agências, reduzindo postos de trabalho e sobrecarregando os funcionários.

Desde o primeiro momento em que tomou conhecimento do fechamento dessa unidade, o Sindicato tem procurado o banco solicitando a realocação de todos os funcionários e a garantia do emprego. O fechamento de agências, além de reduzir postos de trabalho, ainda sobrecarrega os bancários de outras unidades, cujas demandas são ampliadas, e prejudica a qualidade do atendimento aos clientes.

É inadmissível que um banco altamente lucrativo como o Itaú penalize seus funcionários e clientes, promovendo demissões e restringindo o atendimento com o fechamento de agências. A única preocupação do banco é com o lucro, que ele obtém em cima da sobrecarga de trabalho e da cobrança de tarifas e juros abusivos de seus clientes.

“Não há justificativa para que um banco que lucra tanto fechar agências e demitir funcionários. Ainda mais neste momento de crise sanitária e econômica que o país atravessa”, afirma o diretor do Sindicato e funcionário do Itaú, Marcos Francelino.

Já o diretor Alex Citó, também funcionário do Itaú, citou a irresponsabilidade social do Itaú. “Na TV, o banco mostra um comercial emocionante, com artistas famosos, afirmando que pensa no futuro. Mas, na vida real, massacra seus funcionários, fecha agências e corta empregos”. A diretora do Sindicato, Francileuda Nascimento, também do Itaú, completa: “hoje é um dia de protesto contra a postura do Itaú. Quem lucra não fecha agências e nem demite”.

Fonte: SEEB/CE

DEIXE UMA RESPOSTA

Please enter your comment!
Please enter your name here