Aniversário de 90 anos do Sindicato é celebrado na Assembleia Legislativa do Ceará

279

Na noite desta segunda-feira, 29/5, aconteceu no Plenário 13 de Maio da Assembleia Legislativa do Ceará, uma sessão solene em homenagem aos 90 anos do Sindicato dos Bancários do Ceará. A solenidade atendeu ao requerimento do deputado Guilherme Sampaio (PT), tendo como subscritor o deputado De Assis Diniz (PT).

“Essa instituição tem uma história de resistência e de lutas que se confunde com a luta de trabalhadores e trabalhadoras do Brasil e de idas e vindas na nossa persistente defesa da democracia. O Sindicato dos Bancários tem sido fundamental nesses momentos em que somos chamados à resistência e à luta para viabilizarmos o projeto eleito nas urnas no último pleito”, disse o deputado Guilherme Sampaio. Ele citou ainda o sacrifício que a categoria bancária fez durante a pandemia, quando os bancos não deixaram de atender a população um dia sequer, o que viabilizou a sobrevivência de muitas pessoas. “Isso é o que celebramos hoje: a força da união da classe trabalhadora”, finalizou.

Já o deputado De Assis Diniz (PT), lembrou várias passagens da história de lutas do Sindicato. “Nós podemos falar sobre o marco da resistência desse Sindicato, que não ficou parado no tempo e, ao longo dos mais complexos momentos conjunturais, não se fechou na luta corporativa”, comentou. Ele citou as Caravanas contra as ameaças de privatização do governo FHC, a defesa do BEC, o engajamento nos comitês contra a fome do sociólogo Betinho, a profissionalização da imprensa sindical, fundamental na disputa da hegemonia, as greves históricas, entre outras lutas, inclusive onde o Sindicato foi inúmeras vezes solidário a outras categorias.

Para o presidente do Sindicato e da Fetrafi/NE, Carlos Eduardo, “a ampliação da abrangência do Sindicato para representar todo o ramo financeiro é mais um destaque na defesa dos trabalhadores. “Hoje são mais de 11.500 trabalhadores bancários no Estado, com mais de 60% de sindicalizados. Essa força política garante a representatividade para dialogar e negociar com o patronato. Ele destacou ainda que o Sindicato dos Bancários é o mais antigo em atividade no Ceará e um dos que mais estimularam a expansão sindical no Estado.

Durante a sessão solene, foram homenageados com certificados o diretor da Fetrafi-NE e do Sindicato, Áureo Júnior; a diretora da Secretaria de Igualdade e Diversidade, Francileuda do Nascimento; a diretora do Sindicato e funcionária do BNB, Carmen Araújo; a diretora Alice Cristina; o diretor da Secretaria de Aposentados, Plauto Macedo; o diretor de Finanças, Ribamar Pacheco; o diretor do Sindicato desde 1998 e funcionário do BB, Bosco Mota; e o ex-presidente Sindicato e atual diretor de Assuntos Jurídicos Coletivos, Tomaz de Aquino. 

Discursando em nome dos homenageados, Áureo Júnior, lembrou de lutas travadas pelo Sindicato, como a defesa dos bancos públicos. “O Sindicato é uma trincheira não só dos bancários, mas do conjunto da classe trabalhadora”, afirmou. 

 

Também estiveram presentes à solenidade o secretário do Trabalho do Ceará, Vladyson Viana, representando o Governo do Estado; o presidente da CUT Ceará, Wil Pereira; o presidente da CTB, Luciano Simplício; a superintendente estadual do BNB, Eliane Brasil, representando o presidente da instituição, Paulo Câmara; o secretário-geral da Intersindical-CE e diretor do Sindicato, Roger Medeiros e o diretor de Imprensa do Sindicato, José Eduardo Rodrigues Marinho. 

Fonte: SEEB/CE, com informações da ALECE

DEIXE UMA RESPOSTA

Please enter your comment!
Please enter your name here